Saiba como o Direito Administrativo pode te ajudar nos concursos para Tribunais

Olá, concurseiro! Quer saber mais sobre concursos para Tribunais? Precisa de uma estratégia de estudo? Então relaxe e aproveite a leitura, porque esse artigo é pra você!

Devo estudar para concursos de Tribunais?

Estudar para concursos da área de Tribunais é uma excelente opção para aqueles que desejam ocupar um cargo público. Confira alguns bons motivos:

a) Possibilidade de concorrer a vários cargos ao mesmo tempo

Em geral, os concursos de Tribunais ofertam vagas para cargos diversos. Os cargos de Técnico Administrativo exigem somente o Nível Médio, enquanto os cargos de Analista Judiciário requerem a conclusão do Nível Superior. As provas costumam ocorrer em períodos ou dias diferentes, o que permite que o candidato realize mais de uma prova em um mesmo concurso.

b) Ótima remuneração

A remuneração dos Técnicos Administrativos é de aproximadamente R$7 mil, ao passo que os Analistas Judiciários recebem cerca de R$10 mil. No caso dos Tribunais de Justiça, a remuneração ainda pode variar conforme o Estado, sendo, em geral, um pouco menor do que a ofertada pelos tribunais federais (com exceção do Tribunal de Justiça do Distrito Federal e Territórios (TJDFT), cuja remuneração é equivalente a dos tribunais da União).

c) Estabilidade

O servidor público sujeita-se ao regime estatutário, adquirindo estabilidade após 3 (três) anos de efetivo exercício e demais requisitos legais.

d) A preparação básica é a mesma para diversos concursos

Ao dedicar-se ao estudo para concursos da área de Tribunais, o candidato irá se deparar com uma significativa semelhança no conteúdo programático das disciplinas exigidas pelos editais. Isso permite que o candidato se prepare, ao menos em relação às disciplinas básicas, para vários concursos ao mesmo tempo. Estudando com estratégia, o concurseiro economizará tempo e ampliará suas chances de aprovação. Dentre essas disciplinas do chamado ciclo básico, está o Direito Administrativo.

Como o Direito Administrativo pode te ajudar a ser aprovado?

O Direito Administrativo faz parte de um conjunto de disciplinas que aparece em qualquer concurso para tribunais (em quase todos os concursos do país, na verdade). Além disso, trata-se de matéria relativamente pequena se comparada com as demais disciplinas dos editais.

Ademais, a parte processual da disciplina não costuma ser muito cobrada em prova, de modo que a preparação acaba por ser focada no estudo da teoria. Assim, grande parte do estudo se dará através da memorização de doutrina e legislação.

Como estudar Direito Administrativo?

Além de assistir a boas aulas, o candidato deve ficar atento à jurisprudência. Ademais, é imprescindível ter às mãos uma boa doutrina da disciplina. Isso porque posicionamentos de autores como Carvalho Filho, Hely Lopes e Di Pietro costumam ser muito cobrados em prova.

A profundidade do estudo dependerá do cargo pretendido. No caso de concursos de nível médio, o estudo é mais superficial, ao passo que nos concursos de nível superior a preparação deve ser mais completa.

É sempre válido lembrar que a resolução de exercícios de provas antigas é essencial para uma boa preparação. Assim, o candidato chegará até a prova familiarizado com a banca e o modo de cobrança dos temas e disciplinas!

Animado para começar os estudos para os concursos da área de Tribunais? O Master Juris possui diversas ferramentas de apoio que otimizarão seus estudos. Clique aqui e confira nossos cursos!

Artigos Mais Lidos:

Respostas

SITE ABERTO! TODO O CONTEÚDO pREMIUM DO MASTER JURIS 100% LIBERADO ATÉ 02/08!!!