account_circle Login | Registro

Você é disciplinado(a) e resiliente?

É muito fácil dizer que é concurseiro(a). Muitos se inserem nesse universo sem conhecer sua dinâmica própria. Pensam ser suficiente se inscrever em diversos processos seletivos públicos e tentar a sorte. Como muitos sabem ou deveriam saber, passar nas provas é outra história completamente diferente disso. Depende, como defendemos muito por aqui, de muito estudo, de estratégia e de fé. Ocorre que não é só disso que o sucesso depende para acontecer.

Está apoiado, também, em dois pilares que separam o joio do trigo: a disciplina e a resiliência. São os atributos que todo bom estudante deve possuir para alcançar o objetivo colimado. É com eles que vamos mais longe nesses objetivos difíceis da vida.

Disciplina

A disciplina é característica muito importante para o estudante porque o conscientiza da necessidade de constância nos estudos. Afinal, um grande projeto não se constrói de uma hora para outra. De nada adianta estudar um dia e passar uma semana, um mês sem estudar. É preciso que se forme um hábito. É imperioso que seja algo tão intrínseco quanto escovar os dentes, comer e tomar banho.

Resiliência

Por sua vez, a resiliência é a capacidade de “ir além da dor”, parafraseando o poeta Fernando Pessoa. É a famosa persistência! Sem ela, a disciplina sozinha não funciona e faz seu desempenho estagnar. Diz-se isso porque, se você desiste no primeiro tombo, no começo dos percalços, não verá resultado algum para os seus esforços. Sem ela, você perde seu tempo, faz renúncias sem sentido.

União de disciplina e resiliência

Somos chatos e repetitivos ao afirmar que passar em concursos leva certo tempo. Por conseguinte, atravessar esse período sem disciplina e resiliência não te conduzirá a lugar algum. Será necessário despir-se da vaidade, aprendendo a “perder” para poder “ganhar”. Será errando nos simulados, sendo reprovado(a) nas provas que entenderemos como corrigir nossas rotas para a aprovação. Por isso, evite encarar os episódios de insucesso como derrotas,  pois o melhor ainda está por vir.

Pode parecer paradoxal, mas é preciso se adaptar. Se você sempre foi um bom aluno(a) no colégio, faculdade, terá de lidar com nova forma de estudar. Se você nunca foi bom(boa) aluno(a), nunca será tarde para se transformar. A vida sempre nos apresenta oportunidades diárias para fazermos isso acontecer. Basta que tenhamos a postura de eternos aprendizes.

Sabemos que diversos profissionais vendem, irresponsavelmente, a ideia de sucesso imediato. Contudo, se entendemos como funciona o processo de aprendizado, facilmente perceberemos o quão ilusória é essa noção. Simplesmente, só será possível ser aprovado(a) rápido nos concursos quem já tiver base ou estudo pregresso. Não existe mágica! Pena que quase ninguém fale sobre isso.

Resumo da Ópera:

A disciplina faz com que os estudos sejam habituais e, com isso, menos sacrificantes. A resiliência te dá um superpoder de se superar a cada dia, diante das adversidades. Esses dois pilares juntos são suas bases fortes para te fazer ser imparável. Passar em concursos pode ser difícil, mas com disciplina e resiliência, não existirá obstáculo invencível. Como diz a música dos Titãs, “toda pedra no caminho você pode retirar”.

Se quiser conversar comigo sobre esse assunto, caro(a) leitor(a), mande uma mensagem para mim no Instagram @concurseiro.solitario.

Sobre Raquel Monteiro

Raquel Monteiro, é advogada pós-graduada em Direito Público pela Universidade Gama Filho, blogueira do Concurseiro Solitário. Já foi oficial da Marinha do Brasil e agora, todas as quintas, posta aqui no Master as vicissitudes da vida de uma legítima concurseira carioca.

Ver Todos os Posts
Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta

Master Juris - Marca
 
 

MASTER JURIS - 2018. Todos os direitos reservados.