Aproveite as últimas horas da promoção.

80% de desconto no plano Anual.

  • 00 hrs
  • 00 min
  • 00 seg
Vendas: 0800 056 2480
account_circle Login | Registro

Estudando com medo

Pode confessar que você estuda com medo. Diferentemente das outras pessoas, eu não vou te crucificar. Nada que é humano é estranho. E ter esse sentimento, apesar de ruim, não é nada incomum. Acontece comigo de vez em quando.

Sabemos que não é possível se sentir motivado(a) o tempo todo. Temos conhecimento também de que, até mesmo, a pessoa mais positiva pode se deixar levar quando lê muitas notícias pessimistas no noticiário. Para ser concurseiro(a), é preciso ter muito sangue frio.

O pior é que, mesmo sabendo que sentir medo nos afeta negativamente, não conseguimos sempre evitar sentir essa sensação. É algo que nos cansa e rouba nosso foco daquilo que realmente importa: que é estudar. Isso que é mais agoniante, pois temos consciência de que o nosso pavor é algo que nos desvia do nosso resultado a ser perseguido. Treinamos nossos cérebros para evitar situações que roubam nossa calma, mas sempre há algo que foge ao roteiro.

Você deve estar se perguntando: "que tipos de situações fazem com que concurseiros(as) sintam medo?" São as mais diversas! E para que você consiga eliminar a maioria delas e lidar com imprevistos de forma mais tranquila, vamos mapear algumas.

Uma delas é o receio de nunca passar nos concursos, mesmo com inúmeros coachs e escritores dizendo que só não passa quem desiste. É muito normal! Quase ninguém tem coragem de admitir que sente isso. No entanto, nessas horas não devemos olhar o quanto falta para sermos aprovados(as), mas o quanto já evoluimos. É pensar no que já aprendemos e buscar acreditar no processo de aprendizado. Apenas olhe para o dia em que começou a estudar e você terá real noção do que estamos falando.

Outra causa é passar mal no dia da prova. Realmente, é algo com o que se preocupar, pois é seu dia de brilhar. Só que você tem como praticamente eliminar essa ocorrência, levando consigo n

o dia, medicamentos que costumeiramente seu médico(a) te prescreve para enjoos e dores de cabeça. Além disso, convém evitar ingerir comidas estranhas, pesadas, muito gordurosas para que seu organismo funcione bem nesse dia tão importante.

O medo de ter um "branco", ou seja, esquecer a matéria no dia do concurso também é algo que assola muita gente. Eu também já passei por isso muitas vezes, mesmo treinando exaustivamente resolução de questões e simulados. Depois de quase colocar tudo a perder na segunda fase do meu antigo concurso favorito, aprendi que devemos sempre reforçar algumas crenças a fim de nos tranquilizarmos. Uma delas é a de que estamos constantemente fazendo o nosso melhor dentro daquilo que nos é possível realizar; o impossível só a nossa fé faz.

Medos também são, muitas vezes, fantasmas ilusórios criados pelas nossas mentes.

Fazem com que, não raro, enxerguemos dificuldades onde não existem, vislumbremos objetivos factíveis como metas inatingíveis. Ocorre que, na maioria das ocorrências, eles são infundados, pois a vida é cheia de variáve

is. Nem sempre as coisas transcorrerão como imaginamos que será. Boas surpresas também colorem as nossas caminhadas. Lembrem-se disso.

Resumo da Ópera: passaremos pela vida e pelo medo em algumas ocasiões. Haverá dias em que nos sentiremos mais imunes a ele. Existirão situações em que derraparemos e estaremos mais vulneráveis. Seja qual for o fato, devemos continuar estudando. Devemos buscar ser racionais e dizer, como o Jota Quest diz em sua música: "Ei, medo, eu não te escuto mais. Você não me leva a nada!"

Sobre Raquel Monteiro

Raquel Monteiro, é advogada pós-graduada em Direito Público pela Universidade Gama Filho, blogueira do Concurseiro Solitário. Já foi oficial da Marinha do Brasil e agora, todas as quintas, posta aqui no Master as vicissitudes da vida de uma legítima concurseira carioca.

Ver Todos os Posts

Uma Resposta para Estudando com medo

  1. Amir Alves Félix 11 de março de 2018 em 16:37 #

    Raquel eu penso que estas coisas nos atingem quando pensamos em algo importante a fazer, quase sempre possa parecer algo decisivo em nossa vida.

Deixe uma resposta

Master Juris - Marca
 
 

MASTER JURIS - 2018. Todos os direitos reservados.