account_circle Login | Registro

Como iniciar os estudos para Analista do TRF?

 

 

Organizar os estudos, planejar ações e dominar cada passo de seu objetivo principal fará toda diferença na caminhada em busca do seu cargo público. Portanto, confira algumas dicas de como iniciar os estudos para se tornar um Analista Judiciário do TRF:

1.Analise os editais anteriores

O objetivo é não esperar o edital ser publicado para iniciar os estudos para este concurso.

Busque pelos editais mais recentes e observe todos os pontos importantes: conteúdo programático, fases do concurso, requisitos e etc.

Os dois últimos editais publicados em 2017 foram os da 1ª Região e 5ª Região.

Torne-se um especialista neste concurso, saber onde está pisando é fundamental para um estudo focado e bem orientado.

Portanto, prepare-se com antecedência!

2. Priorize disciplinas

Comece estudando o ciclo básico que cai nos editais de todas as regiões (caso você escolha prestar concurso para todas):

  • Direito Constitucional
  • Direito Administrativo
  • Direito Civil
  • Direito Processual Civil
  • Direito Penal
  • Direito Processual Penal

Feito isso, qual o próximo passo?

3.Elabore um cronograma de estudos

Agora que você já sabe o que estudar, organize a sua rotina.

O planejamento e a organização dos estudos é, sem dúvida, um dos prontos mais importantes na preparação para concursos públicos, tão importante quanto estudar.

É possível perceber que aqueles candidatos que desenvolvem um estudo direcionado, adotando estratégias, métodos, técnicas de estudos, buscando orientações adequadas, são aprovados em uma quantidade de tempo menor do que aqueles que não fazem isso.

Seguindo essa linha, não basta estudar, é preciso saber como estudar.

Já que você priorizou as disciplinas básicas, reserve um tempo para cada uma durante a semana.

Agora, você deve estar se perguntando: Como eu monto meu quadro de horários? Como eu faço um plano de estudos eficiente? Para saber mais, basta acessar esse outro post do blog que explica direitinho como fazer o seu cronograma.

Caso você queira um plano de estudos pronto e organizado, acesse a nossa Trilha para o Sucesso para o concurso de Analista do TRF.

4.Cumpra metas diárias

Não adianta montar um cronograma se você não possui disciplina e motivação para segui-lo.

Responda para si mesmo: qual é o meu propósito nos estudos? Imagine seu objetivo. Quando pensamos no nosso objetivo, alcançamos mais motivação.

Quando não pensamos no tamanho dos nossos desafios, acabamos estabelecendo metas de estudo irreais e desistindo rápido. Se você começa pensando “vou estudar 6h por dia, fazer 40 questões por dia” e não considera quais são seus empecilhos e desafios, sua tendência é começar a ter alguns fracassos na rotina que vão te desestimular.

Portanto, se você estabeleceu suas metas e se elas respeitam seus desafios, você vai conseguir cumprir o planejado, vai se sentir estimulado.

Não desista e siga em frente!

 

Confira nossos Planos de Estudos para Analista do TRF

 

Sobre Yasmin Navega

Advogada. Graduada pela Universidade Federal Fluminense (UFF).

Ver Todos os Posts

 

Nenhum comentário ainda.

Deixe uma resposta